quarta-feira, 15 de junho de 2016

ASSUSTADOR


De ficar com os cabelos em pé       
Em 1998, a Kodak tinha 170.000 funcionários e vendeu 85% de todo o papel fotográfico vendido no  mundo. No curso de poucos anos, o modelo de negócios dela desapareceu e eles abriram falência. O que aconteceu com a Kodak vai acontecer com um monte de indústrias nos próximos 10 anos – e a maioria das pessoas não enxerga isso chegando. Você poderia imaginar em 1998 que 3 anos mais tarde você nunca mais iria registrar fotos em filme de papel?  No entanto, as câmeras digitais foram inventadas em 1975. As primeiras só tinham 10.000 pixels, mas seguiram a Lei de Moore. Assim como acontece com todas as tecnologias exponenciais, elas foram decepcionantes durante um longo tempo, até se tornarem imensamente superiores e dominantes em uns poucos anos. O mesmo acontecerá agora com a inteligência artificial, saúde, veículos autônomos e elétricos, com a educação, impressão em 3D, agricultura e empregos.  .
O software irá destroçar a maioria das atividades tradicionais nos próximos 5-10 anos.
   Inteligência Artificial: Computadores estão se tornando exponencialmente melhores no entendimento do mundo. Neste ano, um computador derrotou o melhor jogador de GO do mundo, 10 anos antes do previsto.  Nos Estados Unidos, advogados jovens já não conseguem empregos.  Com o WATSON, da IBM, V. pode conseguir aconselhamento legal (por enquanto em assuntos mais ou menos básicos) dentro de segundos, com 90% de exatidão se comparado com os 70% de exatidão quando feito por humanos. Por isso, se V. está estudando Direito, PARE imediatamente. Haverá 90% menos advogados no futuro, apenas especialistas permanecerão.
  O WATSON já está ajudando enfermeiras a diagnosticar câncer, quatro vezes mais exatamente do que enfermeiras humanas.  O FACEBOOK incorpora agora um software de reconhecimento de padrões que pode reconhecer faces melhor que os humanos.  Em 2030, os computadores se tornarão mais inteligentes que os humanos.
Veículos autônomos: em 2018 os primeiros veículos dirigidos automaticamente aparecerão ao público. Ao redor de 2020, a indústria automobilística completa começará a ser demolida.  Você não desejará mais possuir um automóvel.  Nossos filhos jamais necessitarão de uma carteira de habilitação ou serão donos de um carro.  Isso mudará as cidades, pois necessitaremos 90-95 % menos carros para isso.  Poderemos transformar áreas de estacionamento em parques.  Cerca de 1.200.000 pessoas morrem a cada ano em acidentes automobilísticos em todo o mundo. Temos agora um acidente a cada 100.000 km, mas com veículos auto-dirigidos isto cairá para um a cidente a cada 10.000.000 de km. Isso salvará mais de 1.000.000 de vidas a cada ano.
  A maioria das empresas de carros poderão falir. Companhias tradicionais de carros adotam a tática evolucionária e constroem carros melhores, enquanto as companhias tecnológicas (Tesla, Apple, Google) adotarão a tática revolucionária e construirão um computador sobre rodas.  Eu falei com um monte de engenheiros da Volkswagen e da Audi: eles estão completamente aterrorizados com a TESLA.
  Companhias seguradores terão problemas enormes porque, sem acidentes, o seguro se tornará 100 vezes mais barato. O modelo dos negócios de seguros de automóveis deles desaparecerá.
Os negócios imobiliários mudarão. Pelo fato de poderem trabalhar enquanto se deslocam, as pessoas vão se mudar para mais longe para viver em uma vizinhança mais bonita.
Carros elétricos se tornarão dominantes até 2020. As cidades serão menos ruidosas porque todos os carros rodarão eletricamente. A eletricidade se tornará incrivelmente barata e limpa: a energia solar tem estado em uma curva exponencial por 30 anos, mas somente agora V. pode sentir o impacto. No ano passado, foram montadas mais instalações solares que fósseis. O preço da energia solar vai cair de tal forma que todas as mineradoras de carvão cessarão atividades ao redor de 2025.
  Com eletricidade barata teremos água abundante e barata. A dessalinização agora consome apenas 2 quilowatts/hora por metro cúbico. Não temos escassez de água na maioria dos locais, temos apenas escassez de água potável. Imagine o que será possível se cada um tiver tanta água limpa quanto desejar, quase sem custo.
  Saúde: O preço do Tricorder X será anunciado este ano.  Teremos companhias que irão construir um aparelho médico (chamado Tricorder na série Star Trek) que trabalha com o seu telefone, fazendo o escaneamento da sua retina, testa a sua amostra de sangue e analisa a sua respiração (bafômetro). Ele então analisa 54 bio-marcadores que identificarão praticamente qualquer doença. Vai ser barato, de tal forma que em poucos anos cada pessoa deste planeta terá acesso a medicina de padrão mundial praticamente de graça.
Impressão 3D: o preço da impressora 3D mais barata caiu de US$ 18.000 para US$ 400 em 10 anos. Neste mesmo intervalo, tornou-se 100 vezes mais rápida. Todas as maiores fábricas de sapatos começaram a imprimir sapatos 3D. Peças de reposição para aviões já são impressas em 3D em aeroportos remotos. A Estação Espacial tem agora uma impressora 3D que elimina a necessidade de se ter um monte de pe&cce dil;as de reposição como era necessário anteriormente. No final deste ano, os novos smartphones terão capacidade de escanear em 3D. Você poderá então escanear o seu pé e imprimir sapatos perfeitos em sua casa. Na China, já imprimiram em 3D todo um edifício completo de escritórios de 6 andares. Lá por 2027, 10% de tudo que for produzido será impresso em 3D.
.Oportunidades de negócios: Se V. pensa em um nicho no qual gostaria de entrar, pergunte a si mesmo:
“SERÁ QUE TEREMOS ISSO NO FUTURO?” e, se a resposta for SIM, como V. poderá fazer isso acontecer mais cedo? Se não funcionar com o seu telefone, ESQUEÇA a idéia. E qualquer idéia projetada para o sucesso no século 20 estará fadada a falhar no século 21.

  Trabalho: 70-80% dos empregos desaparecerão nos próximos 20 anos.  Haverá uma porção de novos empregos, mas não está claro se haverá suficientes empregos novos em tempo tão exíguo.
  Agricultura: haverá um robô agricultor de US$ 100,00 no futuro. Agricultores do 3º mundo poderão tornar-se gerentes das suas terras ao invés de trabalhar nelas todos os dias. A AEROPONIA necessitará de bem menos água. A primeira vitela produzida “in vitro” já está disponível e vai se tornar mais barata que a vitela natural da vaca ao redor de 2018.  Atualmente, cerca de 30% de todos as superfícies agriculturáveis são ocupados por vacas. Imagine se tais espaços deixarem se ser usados desta forma. Há muitas iniciativas atuais de trazer proteína de insetos em breve para o mercado. Eles fornecem mais proteína que a carne. Deverá ser rotulada de FONTE ALTERNATIVA DE PROTEÍNA. (porque muitas pesso as ainda rejeitam ideias de comer insetos).  Existe um aplicativo chamado “moodies” (estados de humor) que já é capaz de dizer em que estado de humor V. está. Até 2020 haverá aplicativos que podem saber se V. está mentindo pelas suas expressões faciais. Imagine um debate político onde estiverem mostrando quando as pessoas estão dizendo a verdade e quando não estão.
  O BITCOIN (dinheiro virtual) pode se tornar dominante este ano e poderá até mesmo tornar-se em moeda-reserva padrão.
Longevidade: atualmente, a expectativa de vida aumenta uns 3 meses por ano.  Há quatro anos, a expectativa de vida costumava ser de 79 anos e agora é de 80 anos. O aumento em si também está aumentando e ao redor de 2036, haverá um aumento de mais de um ano por ano. Assim possamos todos viver vidas longas, longas, possivelmente bem mais que 100 anos.
  Educação: os smartphones mais baratos já estão custando US$ 10,00 na África e na Ásia.  Até 202

domingo, 12 de junho de 2016

A AMBULÂNCIA DO SAMU E O DESCASO COM A SAÚDE DO POVO

DESCASO & IRRESPONSABILIDADE
"Orlei ai está a ambulância do SAMU desde de Novembro de 2015 estamos sem a nossa ambulância por falta de manutenção pela prefeitura que não arruma sendo que vem verba de mais de 2500 reais por mês,  especificamente para a ambulância para manter o serviço. Peço sua ajuda para que possamos conseguir que nossos gestores se sensibilizem com a saúde do povo de Morretes e arrumem a nossa ambulância para dar um  atendimento de qualidade para o nosso povo de Morretes.
Para seu conhecimento e do publico leitor deste blog, o serviço não para porque  o CISLIPA empresta a ambulância reserva para não parar os atendimentos"
O BLOG
Ai eu pergunto, para que servem os nossos administradores publico?   O prefeito e sua turma que custam mais de 300 mil reais por mês do dinheiro do contribuinte? E os vereadores, a Câmara leva uma boa fatia da receita do município mensalmente lotada de comissionados a ponto do MP exigir que o presidente dos bilhetinhos exonere uma quantidade razoável de funcionários e mesmo assim, com toda essa gente gastando o dinheiro público, um cidadão precisa escrever aqui para o blog  para reclamar que desde novembro de 2015 a ambulância do SAMU esta parada por falta de manutenção e segundo informações colhidas pelo blog, o dinheiro para a manutenção vem todo o mês. Até do Prefeito da para entender o descaso, um politico em fim de carreira, não tem mais aspirações politicas em  Morretes, e por conta disso esta pouco se importando com o bem estar da população. Mas os vereadores, principalmente os da sua base, ávidos em serem reeleitos, poderiam exigir do prefeito mais qualidade ao serviço publico. Mas não é o caso, ajoelhados em função de favores recebidos, nada fazem para tentar solucionar problemas desta ordem. Esta na horta do povo de Morretes ao escolher o seu candidato a vereador ou prefeito, faze-lo pensando no nosso hospital, nas nossas estradas, no transporte das nossas crianças em idade escolar, é uma aberração uma criança sofrer faturas por falta de segurança nos nossos ônibus escolares, antes de votar em amigos, vizinhos ou parentes. O eleitor deveria pensar em Morretes, para que não corramos o risco de ver a nossa cidade continuar neste total abandono. Espero que alguém tente resolver o problema desta ambulância do Samu o breve possível. Voltaremos ao assunto. Vamos procurar a administração do SAMU para entender melhor este descaso com a saúde do povo de Morretes. 

sexta-feira, 10 de junho de 2016

FIM DE SEMANA NO OP CLUB MORRETES. VENHA DE ONDE ESTIVER!

 Jonathan Abrisan convida a todos os namorados, namorantes, solteiros por opção, solteiros por rejeição, enfim todos os amigos que queiram se divertir com qualidade, venham até o OP CLUB.  

sábado, 4 de junho de 2016

Precisa colocar um semáforo na Câmara


MPPR abre inquérito contra Câmara de Morretes por denúncia do JB

EXCESSO DE CARGOS

Presidente Cassilha garante que não viola o princípio da proporcionalidade. 

Foto: JB


Em fevereiro deste ano, um levantamento do JB realizado no Portal da Transparência da Câmara Municipal de Morretes, mostrou que o quadro de servidores efetivos conta atualmente com apenas três servidores, enquanto que o número de cargos comissionados é de 19 servidores, ou seja, uma proporção de 28% contra 72%.
A disparidade entre efetivos e comissionados chamou a atenção, tendo em vista a cobrança do Ministério Público do Paraná (MPPR) na redução de cargos comissionados do Poder Legislativo de Matinhos, em 2011, devido ao excesso de cargos comissionados, como também ocorreu, em 2012 na cidade de Paranaguá.
Na época, o MPPR fez recomendações aos presidentes de ambos os Legislativos, que atenderam sem a necessidade de uma ação civil pública para efetivar o cumprimento.
Entretanto, na cidade de Morretes observou-se que o quadro é extremamente irregular no que diz respeito ao princípio da proporcionalidade, que se encontra implicitamente previsto na Constituição Federal, mas está expressamente posto no artigo 2º da Lei Federal nº 9.784/1999. O artigo preceitua que a Administração Pública obedecerá, dentre outros, ao princípio da razoabilidade e da proporcionalidade.
Na semana seguinte, a reportagem procurou o Presidente da Câmara de Morretes, Julio Cesar Cassilha (PPS) para dar sua versão sobre este assunto, que contestou a matéria do JB denunciando a violação do princípio da proporcionalidade.
Problema existe desde 2009
Mesmo contendo 19 servidores comissionados e três no quadro fixo, que compromete os direitos individuais dos morretenses pela proporção de 72% de cargos em comissão por 28% de concursados, Cassilha se defendeu dizendo que a estrutura administrativa da Câmara Municipal foi criada em 2009 e a criação de cargos em comissão, no mesmo ano, por meio da Lei n.º 050/2009 e alterada em 2012.
Ele alegou ter assumido a presidência em 2013 com todos os cargos criados e que a Câmara atende ao Prejulgado 06 do Tribunal de Contas do Paraná (TCE/PR), no que concerne ao provimento de cargos. Entretanto, Cassilha não observou que o Prejulgado 06 é taxativo ao afirmar que “deverá haver proporcionalidade entre o número de servidores efetivos e de servidores comissionados”.
Prazo encerrado e Inquérito civil
Após a defesa feita pela Câmara, que foi divulgada no jornal, a reportagem procurou o Promotor de Justiça de Morretes, Luiz Alexandre Prestes de Souza, que informou que não havia tido nenhuma informação referente ao assunto para conhecimento da Promotoria local, apesar da reportagem contendo a denúncia ter sido veiculada na cidade uma semana antes. Entretanto, ele ressaltou que foi instaurada um procedimento chamado "Notícia de Fato" (que antecede o Inquérito Civil) para apurar a denúncia baseado na mensagem eletrônica contendo o pedido de informação ao MPPR enviada pelo JB.
 No dia 28 do mês passado, o MPPR com base na “Notícia de Fato” abriu inquérito civil para “averiguar a proporcionalidade dos cargos em comissão da Câmara perante os cargos efetivos, bem como as adequações das funções desempenhadas pelos seus ocupantes com o artigo 37 da Constituição Federal”. O documento enviado ao Presidente Julio Cassilha foi assinado pela Promotora de Justiça, Ana Claudia Luvizotto Bergo.
Também foi expedida a Recomendação Administrativa 03/2016 que determinou um prazo de 30 dias para que a Câmara Municipal fizesse a exoneração de pessoas que exercem cargos comissionados criado indevidamente que não são concretamente qualificados, como de direção, chefia ou assessoramento. Ainda dentro do mesmo prazo, o MPPR pediu a remessa dos atos de exoneração informando o MPPR sobre as providências tomadas.
O prazo dado ao Presidente Cassilha encerrou no último sábado (28) e, segundo apurou o JB, ainda de forma extraoficial não houve nenhuma exoneração. Entretanto, nesta semana o JB procurará a presidência para se certificar da veracidade ou não desta informação e se a Recomendação do MPPR foi atendida.      
O princípio da proporcionalidade, que se encontra implicitamente previsto na Constituição Federal e expressamente posto no artigo 2º da Lei Federal nº 9.784/1999, defende o equilíbrio dos direitos individuais com os anseios da sociedade. Ou seja, não deve ser fixado um percentual irrisório, tornando sem sentido a norma imposta pela Carta Magna, cujo objetivo é de moralizar o serviço público.
Assim, diante de um quadro funcional da Câmara de Morretes contendo 19 comissionados e 03 do quadro fixo, a proporcionalidade que deveria garantir os direitos individuais dos morretenses está comprometida pela proporção de 72% de comissionados e o percentual irrisório de 28% do quadro fixo.
Mesmo com esses números, o Presidente da Câmara Municipal, Júlio Cesar Cassilha (PPS), contestou a matéria do JB que denunciou a violação da proporcionalidade no quadro de servidores do Poder Legislativo.
Questionado pela reportagem, o presidente se defendeu dizendo que a estrutura administrativa da Câmara Municipal foi criada em 2009 e a criação de cargos em comissão, no mesmo ano, por meio da Lei n.º 050/2009 e alterada em 2012. Com isso, ressalta que assumiu a presidência em 2013 com todos os cargos criados.
O vereador alegou ainda que a Câmara atende ao Prejulgado 06 do Tribunal de Contas do Paraná (TCE/PR), no que concerne ao provimento de cargos. Entretanto, Cassilha não observou que o Prejulgado 06 do TCE/PR, nas regras específicas para assessores jurídicos do Poder Legislativo e do Poder Executivo, que fala de cargo em comissão, é taxativo ao afirmar que “deverá haver proporcionalidade entre o número de servidores efetivos e de servidores comissionados”. Algo que é violado atualmente pela Câmara.
 Sem entender o foco da denúncia, que trata do desrespeito à proporcionalidade constitucional, o presidente garantiu que a Câmara está atendendo a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) quanto ao requisito despesa com pessoal, que não foi o direcionamento da denúncia do JB. Cassilha destacou ainda que “ao contrário do que constou na matéria veiculada, não há violação ou descumprimento do Princípio da Proporcionalidade quanto à ocupação dos cargos em questão. O presidente encerrou sua manifestação assegurando que, especificamente quanto ao Princípio da Proporcionalidade, não há afronta a esse princípio, tendo em vista que a nomeação dos cargos encontra-se adequada, na medida justa das necessidades exigidas pela administração. Isto mesmo, com 19 comissionados e apenas 03 servidores fixos. 

MPPR instaurou “Notícia de Fato

 O JB enviou três questionamentos ao Promotor Substituto da Promotoria de Justiça de Morretes, Luiz Alexandre Prestes de Souza, que informou que até quinta-feira (3) não havia tido nenhuma informação referente ao assunto para conhecimento da Promotoria local, apesar da reportagem contendo a denúncia ter sido veiculada na cidade no dia 22 de fevereiro.
 Entretanto, o Promotor ressaltou que foi determinada a instauração de um procedimento chamado "Notícia de Fato" (que antecede o Inquérito Civil) para apurar a denúncia baseado na mensagem eletrônica contendo o pedido de informação ao MPPR enviada pelo JB na quarta-feira (2).
Disse ainda que foi determinada a expedição de ofício para a Câmara Municipal solicitando algumas informações, a serem prestadas em 10 dias úteis, conforme prazo previsto em lei.

Fonte Jornal dos Bairros

quinta-feira, 2 de junho de 2016

Não custa averiguar


PROCEDE ESSA INFORMAÇÃO?

ATENÇÃO CONSELHO TUTELAR E MINISTÉRIO PÚBLICO


Não sei se todos os moradores de Morretes sabem: uma criança aluna de escola rural de nossa cidade caiu do ônibus escolar e fraturou as DUAS pernas. E tb não sei se todos são sabedores da situação desastrosa na qual se encontram alguns dos veículos "TRANSPORTE ESCOLAR" que transitam com as crianças e jovens alunos das escolas deste município. ÔNIBUS ESTRAGADOS / VERDADEIROS LIXOS que o prefeito APRESENTA AOS PEQUENOS CIDADÃOS. O risco é constante e ainda mais não tem atendente para cuidar dos alunos. O motorista tem que se virar sozinho. GOSTARIA DE SABER SE A CRIANÇA MACHUCADA ESTÁ RECEBENDO A ATENÇÃO E OS CUIDADOS NECESSÁRIOS POR PARTE DA PREFEITURA?. SE A SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO ESTÁ PRESTANDO O ATENDIMENTO ESCOLAR DOMICILIAR PARA ESTA CRIANÇA?

quarta-feira, 1 de junho de 2016

O BLOG DE MORRETES


A força do blog, 40.001 comentários publicados, isto é, 40.001 vezes alguém escreveu para o blog. Amigos e inimigos, os que gostam e os que odeiam o blog, meu muito obrigado pela confiança. Todos os mais de 1.600.000 visitantes do blog são a razão da existência desta mídia. 

sexta-feira, 27 de maio de 2016

MORRETES E O FUTURO.


Impressionante a degradação da classe política brasileira. Hoje 99% dos políticos brasileiros têm seus nomes envolvidos em mal feitos e mesmo assim continuam a vida pública amparados por chicanas jurídicas e liminares. É isso não é prerrogativa do alto mundo político. Aqui em Morretes o caso mais emblemático é o do Hélder, envolvido em problemas com o PRODETUR SUL, o ESCÂNDALO DAS SANGUSSUGAS, e sem provar inocência, apenas usando de traquitanas judiciais está conseguindo levar este seu mandato até o fim e ainda propondo, meio sem convicção, partir para outra reeleição. Eles fazem suas folias no poder e o povo paga a conta. Mas porque é assim? O grande culpado deste estado de coisas somos nós, os eleitores, que votamos sem critérios,  sem pensar na cidade, olhando apenas para nossos umbigos. Mas agora com esse escândalo generalizado no mundo político, onde a cada dia aparecem novos nomes envolvidos com o a Lava Jato e o Juiz Sergio Moro, quem sabe o povo brasileiro e em especial o eleitor morretense mude seus critérios na hora de escolher seus candidatos, tanto a prefeito quanto a vereadores. Não custa tentar!