TOP FITNESS

TOP FITNESS

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

FUTURO DA CÂMARA DE VEREADORES EM MORRETES

O Vereador Samuca deverá ser o Presidente da Câmara nos próximos dois anos. Esta oxigenação para a casa legislativa é de suma importância para a o futuro politico da nossa cidade. Com a possível chegada do Samuca a presidência, as possibilidades de uma fiscalização  mais apurada nos atos do executivo se materializam, trazendo um pouco mais de esperança de dias melhores para Morretes. O blog espera que o Samuca tenha uma gestão profícua voltada para os interesses do povo, sem as vaidades e os desmandos arrogantes do seu antecessor. 

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

2013 ... Olha ele aí minha gente!


Pois é, e o mais falado ano do século XXI está terminando, independente de tudo que se disse, o mundo continua firme e forte, apesar das profecias Maias e das agressões ambientais que este sofre no seu dia a dia. Foi um ano atípico, para mim, aconteceu de tudo, coisas boas algumas nem tanto. Pré enfartei, concorri às eleições, perdi, passei seis dias internado numa UTI, fui considerado morto, com velório e tudo, por grande parte da população, ao mesmo tempo em que meu filho casou, e ele e a linda Mayara, vão me presentear com uma netinha, ganhei outra futura nora, a Laíz, com o noivado do Orley Neto,  a Sabrina deu mais um passo na finalização do curso de Direito, o que prova que a vida é um equilíbrio constante. Foi assim para mim, com certeza foi assim para Morretes.  A cidade assistiu atônita a reforma do HMM depois de 3 anos, o elefante  branco do Centro de Eventos continua servindo como exemplo de dinheiro público jogado no lixo, a comunidade continuou vendo com tristeza, o sangue de seus filhos derramados no asfalto pelos trens da ALL, os enormes caminhões de 70 toneladas continuam transitando nas ruas centrais da cidade sob os olhares amedrontados da população, tem o tal dinheiro do Prodetur, que ainda dorme numa conta da Caixa Econômica. Esses 9 milhões geraram duas situações, numa, mostrou que o governo Amilton não soube como usar o recurso, noutra, Helder tem seu nome envolvido na Lei Ficha Limpa pelo mal feito nas preliminares do projeto.  A morte é parte da vida, e por causa dela perdemos muita gente, pessoas conhecidas, e anônimas, mas todas elas de suma importância para o nosso município e para suas famílias. Mas destes que se foram, ninguém foi tão importante para a educação do povo de Morretes como a Professora Iracema Bittencourt. Num paradoxo infeliz, enquanto perdíamos nossos entes, a maternidade inoperante, tirava o direito dos nossos pequeninos de nascer morretenses. No nível nacional, foi um ano com ameaças de fim de mundo, Corinthians Campeão do Mundo, escândalos no quintal politico do ex-presidente Lula da Silva, muita roubalheira patrocinada bandidos do colarinho branco. Surpreendeu a surra política que o Beto Richa levou nas eleições de outubro, mas o fato mais significativo da história da República foi o fio de esperança criado nos intestinos do Supremo Tribunal, que nos faz acreditar num país mais honesto sinalizado pelo agora Presidente, o Ministro Joaquim Barbosa, nascido negro e pobre, como muitos, mas de uma inteligência e coragem como poucos. Este cidadão afro descendente, filho de gente humilde, fez a diferença moral do nosso país. Em Morretes, fomos todos protagonistas de uma eleição insólita, o Amilton com a máquina pública nas mãos conseguiu perder para um candidato com problemas judiciais importantes, ficando atrás inclusive do Marajá, que num tempo onde tudo se compra e se vende, principalmente votos, conseguiu sem nenhum recurso, chegar o segundo lugar com chances de se tornar prefeito, caso o TRE entenda que lugar de ficha suja é longe dos cofres públicos. Enfim, foi um 2012 igual a todos os outros, e agora vamos para o 2013,, e no bojo deste novo tempo, muitas alegrias, algumas decepções e tomara que poucas tristezas. De todos pedidos para o novo ano, o mais importante é que todos vivam esse 2013 com muita paz, saúde, que todos consigam realizar seus sonhos. Mas acima de tudo, muito amor, abrir o coração, dizer as nossas esposas e filhos que os amamos muito, vamos respeitar e dar carinho para nossos velhos e nossas crianças, estes pela sua história, aqueles vislumbrando o futuro. Vamos em frente,  fazendo o possível e o impossível para promover uma Morretes melhor . Vamos torcer para que o novo Prefeito, seja ele quem for, faça uma boa administração, Morretes merece esse carinho. Obrigado a todos pela frequência no blog, e continuem nos prestigiando, porque você leitor, é a razão direta da nossa existência.

FELIZ 2013.       

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

UNS PODEM ... OUTROS NÃO?





Se um cidadão comum,  vai até os rios de Morretes e da região e recolhe seixo rolado para ajeitar seu terreno, comprado com dinheiro oriundo do seu trabalho,  para poder fazer sua casa, um sonho acalentado por muitos anos, com toda certeza será punido com rigor pelos órgãos ambientais, será cobrado por ONGS radicais, enfim, um caminhão de seixo rolado para o cidadão comum seria transformado num verdadeiro inferno. Pois bem, para a ALL não acontece nada, usam de forma descarada o seixo rolado, não resolvem o problema do mal cheiro na estrada causado por mais um dos acidentes com seus trens. Mas onde andam os órgãos de preservação ambiental, os fiscalizadores. Quais os critérios usados para permitir o uso deste material por esta empresa concessionária? Seria interessante que que fosse explicado para o cidadão comum, pois ele pode precisar do seixo rolado. Quem autoriza? Existem taxas? Qual o valor? O povo de Morretes tem o direito de saber quais os caminhos esta concessionária anda para conseguir os tais seixos rolados. 

Noite Feliz!


Passei a noite deste 25 de dezembro, na Igreja do Evangélico Quadrangular, brilhantemente dirigida pelo Pastor Deimeval Borba. Foi uma noite especial, um espetáculo de som, luzes, talento, trabalho, e acima de tudo, um momento  maravilhoso de fé, onde mais de duzentos voluntários de todas as idades participaram, fazendo desta noite de Natal algo espetacular, onde os participantes contaram a história do Nascimento de Jesus com amor, talento e muita convicção de que dias melhores virão para todos. Um espetáculo com figurinos exclusivos, muita música, a igreja totalmente lotada e que terminou num clima fantástico, onde todos, sem exceção, crianças, jovens, idosos, com muita alegria festejaram o fim do evento.  Esta manifestação dos fiéis presentes deixaram claro duas coisas, o amor incondicional pela IEQ e a confiança de todos no pastorado do carismático Pastor Deimeval Borba. Adorei participar e com certeza sempre que tiver oportunidade estarei presente nos eventos da IEQ.

segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

NOITE FELIZ!!!!!!!!!!!!!!

DESEJO A TODOS, UMA BELA NOITE DE NATAL, MUITA PAZ, FAMÍLIA REUNIDA, E QUE O PAPAI NOEL TRAGA A TODOS MUITA FÉ E ESPERANÇA EM DIAS MELHORES.

domingo, 23 de dezembro de 2012

PARA REFLEXÃO.......




MINISTRO JOAQUIM BARBOSA, SENSATEZ A SERVIÇO DO DIREITO

Nos últimos dias deste 2012, um ano especial  para todo o sistema judiciário, assistimos a um exemplo estrondoso de insensatez, do ponto de vista jurídico, que foi o pedido do procurador-geral da República, Roberto Gurgel, de prisão imediata dos réus mensaleiros. Não importa se trata de rico ou pobre, petistas ou peessedebistas, preto ou branco: o Estado de Direito deve sempre ser respeitado. E foi exatamente isso que fez Joaquim Barbosa, na sua decisão da ultima sexta feira, 12/12, rejeitando a insensatez jurídica do procurador-geral.
Ao indeferir a liminar, o ministro presidente observou que “não há dados concretos que permitam apontar a necessidade da custódia cautelar dos réus (CPP, art.312), os quais, aliás, responderam ao processo em liberdade”. Assim é o direito vigente no Brasil, desde fevereiro de 2009 (HC 84.078), em decisão histórica do Pleno do STF. Por que seria diferente no caso do mensalão? Só para dar razão às críticas infundadas da cúpula arrogante do PT de que o julgamento seria político e de exceção?
Antes de indeferir o pedido do procurador-geral da República, o ministro lembrou que “já foi determinada a proibição de os condenados se ausentarem do país, sem prévio conhecimento e autorização do Supremo Tribunal Federal, bem como a comunicação dessa determinação às autoridades encarregadas de fiscalizar as saídas do território nacional”. “Por todas essas razões, indefiro o pedido”, concluiu o ministro presidente.
Do ponto de vista jurídico, Joaquim Barbosa, nesse ato, retratou a marcha da sensatez jurídica. Carl Schmitt, alemão de Plettenberg, 1/07/1888- 07/04/1985, jurista, filósofo e politico, além de exercer a profissão de professor universitário, no auge das suas doutrinas nazistas, afirmou: “A totalidade do direito alemão hoje em dia... deve reger-se só e exclusivamente pelo espírito do nacional-socialismo... Cada interpretação deve ser uma interpretação de acordo com o nacional-socialismo”.
Dr. Paul Joseph Goebbels, nascido em MönchengladBach, em 29/10/1897, Ministro da Propaganda Nazista de Adolf Hitler,chegou a sugerir “excluir o ano de 1789 da história da Alemanha” (ano da Revolução Francesa). A partir dessa brutal opinião, os juristas da época iniciaram uma grande campanha contra os direitos humanos, criticando as garantias dos direitos individuais frente ao Estado, as limitações do poder estatal e as restrições do Estado para impor e fazer executar suas sentenças penais. O resultado disso tudo foram os horrores praticados pelo nazismo, o holocausto e a Segunda Guerra Mundial, com milhões de inocentes mortos da forma mais selvagem e degradante da história da humanidade.
Temos que estar atentos contra os “bandoleiros da República” (como disse o Ministro Celso de Mello), os criminosos do colarinho branco, pouco importando o partido político a que pertencem, punindo-os de acordo com a lei. Ao mesmo tempo, de olho nos movimentos de destruição do Estado de Direito, em nome do populismo penal cobrado pela mídia. A justiça deve procurar o equilíbrio entre nem permitir impunidade daqueles cuja culpabilidade esteja devidamente comprovada, nem totalitarismos nazistas. O desprezo aos direitos e as garantias individuais constitui um dos mais horrendos retrocessos civilizatórios. Uma agressão imensurável a democracia. Mais uma vez o Ministro Joaquim Barbosa, surpreende deixando de lado os holofotes e os elogios fáceis da mídia brasileira, optando claramente pela racionalidade do direito.   

fonte - site "jus navegandi"

sábado, 22 de dezembro de 2012


Duas perdas importantes enchem de tristeza o povo de Morretes. Faleceram hoje D. Isolda Jazar e o nosso amigo, PMBDista velho de guerra Cicero Consentino. Ela esposa do saudoso João Jazar, deixou as filhas Vera Lucia, Lucia Helena e João Luís, e o Cicero casado com a Lurdinha deixou dois filhos, Cicero Junior e Cassiano. Esperamos que a familia destas pessoas queridas da nossa cidade consigam forças suficiente para suportar as dores destas perdas irreparáveis.

  Força e Fé!  

POIS É, PODE NÃO SER NADA...COMO PODE SER TUDO!

 DEU NA GAZETA DO POVO

Eleições 2012


Paraná tem 17 prefeitos eleitos com mandato ameaçado

Publicado na Gazeta do Povo em 22/12/2012

Na grande maioria dos municípios paranaenses, as eleições se encerraram no dia 7 de outubro, quando a população escolheu os prefeitos que irão administrar as cidades pelos próximos quatro anos. Em 17 deles, contudo, ainda não há certeza sobre quem de fato irá assumir o governo. Mesmo com a oficialização do resultado e a diplomação dos eleitos, os novos administradores estão com seus cargos ameaçados por causa de processos que ainda correm na Justiça. Em quatro dessas cidades a situação é ainda mais grave. Elas começarão o ano sem um prefeito definido e sob o risco de uma segunda eleição ser convocada.

Veja a lista completa dos 17 prefeitos

Na última quarta-feira terminou o prazo estabelecido pela legislação para diplomação dos prefeitos e vereadores eleitos em outubro. Em Colombo, na região metropolitana de Curitiba; Bituruna, na região Centro-Sul; Cambira, na Região Norte; e Joaquim Távora, no Norte Pioneiro, esse prazo se esgotou sem que os próximos administradores tenham sido oficializados. Isso porque os vencedores nas urnas tiveram suas candidaturas indeferidas pela Justiça eleitoral e dependem da apreciação de recursos nos tribunais para serem oficializados ou não no cargo. Como obtiveram mais de 50% dos votos válidos, caso a situação seja mantida será necessário fazer nova eleição.
Em Colombo, Beti Pavin (PSDB) foi a mais votada. No entanto, ela teve seu registro indeferido por conta da Lei da Ficha Limpa, pois teve suas contas rejeitadas por irregularidades quando administrou a cidade em 2001. Após ser derrotada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ela aguarda o julgamento de um último recurso no plenário do TSE.
Em Bituruna, Catiane Rossoni (PSDB) não comprovou filiação partidária em tempo hábil e aguarda julgamento de recurso no TSE. O mesmo acontece em Joaquim Távora, onde William Ovçar (PSC) responde por irregularidades no período em que era prefeito. A prefeita reeleita de Cambira, Neusa Bellini (PSDB), está com recurso no TRE em ação por abuso de poder econômico. Nos quatro casos, quem assumirá a prefeitura interinamente em 1.º de janeiro será o presidente da Câmara Municipal.

Situação curiosa é a de Rio Branco do Sul, onde os dois primeiros colocados tiveram suas candidaturas indeferidas. O vencedor, Gibran Johnsson (PSC), foi inscrito na véspera da eleição em substituição ao pai, Amauri Johnsson (PSC), barrado pela Ficha Limpa. A manobra foi considerada irregular pela Justiça eleitoral. Já o segundo colocado, Valdemar Castro (PSDB), teve a candidatura cassada por uso indevido de meio de comunicação. Johnsson conseguiu efeito suspensivo assegurando sua diplomação e posse em 1.° de janeiro.









terça-feira, 18 de dezembro de 2012

QUE PAÍS É ESSE...ROUBALHEIRA SEM FIM!



Consultoria da Copa-2014 obteve enriquecimento ilícito com verba do Esporte, diz TCU

O Ministério do Esporte fez pagamentos indevidos para a consultoria Consórcio Copa-2014, segundo decisão do TCU (Tribunal de Contas da União). Isso levou o tribunal a determinar que houve "enriquecimento ilícito" por parte das empresas integrantes do grupo e a indicar que deve requisitar pedido de devolução de dinheiro. O contrato também não poderá ser renovado.

A pasta pagará um total de R$ 48 milhões por quatro anos de consultoria relacionado ao Mundial. Isso graças a um reajuste de 82% no preço inicial, que era de R$ 13 milhões, mais uma renovação por dois anos. Essa prorrogação e o inchaço dos valores do contrato também foram condenados pelo tribunal. Datado de 10 de dezembro deste ano, o acórdão do TCU lista uma série de irregularidades nos serviços prestados pelo Consórcio Copa-2014, composto pelas empresas Valeu Partners, Arcadis Logos e Galo PPM. Isso mesmo depois de o próprio tribunal ter pedido, há um ano, providências ao Ministério do Esporte em relação à fiscalização desse acordo.Agora, o TCU identificou como pagamentos indevidos da pasta às empresas custos relacionadas a despesas de viagens dos funcionários do Consórcio, como passagens e diárias. Além disso, o organismo afirmou que profissionais foram contratados como pessoa jurídica, mas a consultoria cobrou do governo como se houvesse taxas e impostos da CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas). "Na mesma linha, não cabe o argumento de que a validade da subcontratação seria condição suficiente para afastar a alegação de dano ao erário. Conforme se demonstrará nos itens que seguem, a metodologia utilizada pelo consórcio aponta a ocorrência de superfaturamento em razão da inclusão de custos não incorridos, relacionados a insumos de mão de obra, resultando na aferição de lucros excessivos e no consequente enriquecimento ilícito do Consórcio Copa 2014", afirmou o tribunal. Por cada empregado, a consultoria teria faturado de cerca de R$ 7 mil a mais, segundo o relatório. Pior, o relatório do TCU diz que há indícios de que foram pagos profissionais os quais não há comprovação de que tenham, de fato, prestado os serviços.
Por conta do aumento desses custos, entre outros, houve as revisões do contrato. Primeiro, acrescentou-se 25% ao valor inicial. Depois, houve um reajuste de 45%. Na sequência, aconteceu a prorrogação do compromisso por mais dois anos. No processo do TCU, o Consórcio Copa-2014 alegou que a instituição do GECOPA (Grupo Especial da Copa), no governo federal, aumentou suas tarefas, que se tornaram também operacionais, e não só consultivas. Por isso, a consultoria argumentou que houve os aditivos dos contratos. "Cita as interações realizadas pelo consórcio com o GECOPA, o qual, composto por diversos ministérios, demandaria pessoal alocado para as interações e a realização de atividades pertinentes à Copa do Mundo de 2014. Defende que o impacto daqueles atos não seria previsível e que tais fatos, de consequências imprevistas, teriam impactado diretamente no contrato", diz trecho do relatório sobre a posição do Consórcio. Já o Ministério, também no processo, alegou ter adotado medidas saneadoras para medição com exatidão dos serviços prestados pela consultoria. Entre elas, está a definição de critérios para aceitação de comprovantes para pagamentos de despesas extras, instituição de planilha para acompanhar os custos do contrato e detalhamento dos profissionais envolvidos na execução dos serviços. Por meio de sua assessoria, a pasta ainda informou que foi feita uma auditoria contábil sobre os gastos com a consultoria. A pasta defendeu a necessidade de contar com consultores. Mas, por meio de nota da assessoria, informou que já decidira pela não renovação do contrato com a atual consultoria. "A nova licitação garantirá a celebração de contrato estritamente ajustado às determinações do Tribunal de Contas da União, já que todas as medidas de aprimoramento, decorrentes da atuação do TCU, serão incorporadas ao novo edital", informou a pasta. O TCU pediu a tomada de contas especial para apurar o dano ao erário.  E determinou que sejam retidas as garantias apresentadas pela consultoria para eventual devolução de dinheiro. Para o Ministério do Esporte, a tomada de contas "esclarecerá as situações levantadas".
Procurada pelo UOL Esporte, a assessoria do Consórcio Copa-2014 não retornou a ligação.

Muito triste...


Com imensa tristeza comunico o falecimento do jovem Thiago Gonçalves, 24 anos, solteiro, filho do meu queridíssimos amigos dos bancos escolares Celso Gonçalves e Rosemary Gonçalves. O Thiago lutou bravamente contra uma pertinaz moléstia e quando esta parecia ter sido vencida, numa dessas reviravoltas que a vida dá, o jovem Thiago não resistiu e veio a falecer. Pouco se pode dizer ao Celso e a Rose, apenas desejar que a fé que eles têm no coração lhes de forças para suportar esta dor infinita que é a dor da perda de um filho. O corpo do Thiago está sendo velado na Assembléia de Deus da Raia Velha, o culto em sua homenagem será as 15 horas e o enterro as 16 horas.

ESSA GENTE BRONZEADA MOSTRANDO SEU VALOR.....




Parece que o Folhateen, o caderno da Folha para jovens, tem uma seção chamada “Quando eu tinha a sua idade”. O destaque da última edição foi José Dirceu. Parece que ele já foi jovem um dia. Passei o olho rapidamente e me deparei com a piada pronta. Diz o homem:

“Quando saí de Passa Quatro [MG], fizeram festa. Eu bagunçava muito, era rebelde. Briguei muito na escola. Cheguei até a ser coroinha, mas me expulsaram – roubava hóstia para comer.”

Entendo.
O Brasil não dá muita chance à imaginação dos humoristas. Um casal foi preso no Paraná porque a mulher estava fazendo sexo oral no rapaz no meio da rua. Os dois se negaram a parar e ainda xingaram os policiais. Nome da cidade:  Rolândia…
Sobre o ladrão de hóstias, comentem com moderação. Vocês já sabem que a primeira coisa que vocês pensaram escrever eu não posso publicar, certo? Então vamos combinar assim: quem pensou “aquilo” deve escrever simplesmente “Aquilo”. Combinado?

Por Reinaldo Azevedo

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

INCOMPETENCIA...


Impressionante a falta de qualidade e absoluto desrespeito com a função pública que exercem alguns comissionados do Amilton. Além do descaso pelo povo e a falta de comprometimento politico com o prefeito e suas metas propostas. Ontem, 16/12, as 21 horas numa emergência  funcionários do hospital municipalizado de Morretes, se obrigaram a ir em Antonina buscar soro, que custa R$4,00 a ampola para atender emergencias daquela casa de saúde. Aliás um ato que enche de vergonha o povo de Morretes. Quem dirige o hospital? E a secretaria de saúde, o que faz ali que não da atenção ao HMM. E aí, ontem logo que cheguei de viajem recebi um telefonema de um parente de um paciente, fui lá e alguns familiares estavam cobrando do Amilton a falta de soro. O Amilton tem culpa relativa, pois foi ele que empregou estes incompetentes desinteressados. Não foi por acaso que o Amilton, com a maquina nas mãos, perdeu as eleições para um cidadão envolvido em processos judiciais e para outro que não tinha dinheiro nem para contratar um colocador de placas. Com certeza o erro do Amilton, como eu sempre disse aqui, foi infeliz na escolha de seus comissionados, um bando de aloprados raivosos de  absoluta falta de qualidade  funcional e que em momento algum buscaram colaborar com o Amilton  no seu ideal de reeleição, estes apenas buscaram cuidar de seus interesses pessoais. Secretária aproveita e compra soro para o hospital. Tente não manchar mais o nome do Amilton. Estamos ligados aqui.  

quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

DAQUI A POUCO A GENTE VOLTA.....

Vou dar o prazer imensurável da minha ausência a todos os leitores aqui do blog. Não  sei se vou acessar a net. A propósito, não estou indo para a cadeia, pelo menos, ainda não! Vou só descansar, o exercício do ócio também  é cansativo ... kkkkkkk
Fui, daqui a pouco, volto!
Abraço

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

OPORTUNIDADES DE TRABALHO

A Agencia do Trabalhador informa

Vagas para o Super Mercado Condor


Proxima seleção dia 18/12/2012 das 08:00as 14:00. Agencia do Trabalhador cito rua XV de Novembro, 500, favor trazer carteira de trabalho , RG e CPF. Daniele Meduna Gerente da Agencia

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Tristeza sem fim....


Faleceu hoje o Sr. Jamil Cabral, carica de Campos, veio para Morretes para trabalhar na Usina como químico. Foi proprietário do Bar mais frequentado de Morretes durante décadas  o famoso Bar Nhundiaquara. Toda a nossa juventude e de muitos morretenses teve como ponto de referencia o famoso  Bar do seu Jamil e seu inimitável bife com queijo. Deixa esposa, filhas e netos. Os nossos pêsames e o desejo de que a família tenha forças para superar a sua ausência.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Uiui ...agora me deu 187 tipos de medos diferentes......


Hoje a tarde recebi um telefonema de um amigo de muitos anos que me alertava para o fato de pessoas ligadas ao Helder e ele inclusive estavam preparando uma "boa" para mim.  Só para deixar registrado aqui que essa gente não me mete medo, não sou filho de chocadeira e nem de pai assustado. Então estou avisando para quem interessar possa que nada, nada que essa gente se proponha a fazer para me causar algum tipo de dano me assusta. Vamos pro jogo, eu topo!

domingo, 9 de dezembro de 2012

PEDAÇOS E + PEDAÇOS...




Crise
A crise no rádio esportivo de Curitiba não pode ser negada. Agora mesmo, a Banda B demitiu o narrador Fernando Cezar, que foi seu melhor narrador durante 13 anos. Justificativa: crise financeira do setor. Lamento por ser ouvinte e por conhecer o talento e a imensidão pessoal de Fernando, mas não me surpreendo.
Muitos segmentos comerciais e profissionais, que usufruíam da bondade do nosso Legislativo, sofreram baque com as denúncias dos “Diários Secretos”. Fico triste em saber da situação de alguns colegas do rádio esportivo.

Fonte-PARANÁONLINE

OPINIÃO DO BLOG


Efeito Bibinho e sua picaretagem, nas ondas do Radio Esportivo do Paraná, e aos poucos os penduricalhos políticos do Bibinho estão  voltando para seus devidos lugares com seus rabinhos felpudos de pelos lisos e brilhantes no meio das pernas. Aos poucos a casa  vai caindo, é uma questão de tempo.

sábado, 8 de dezembro de 2012

nervos a flor da pele.....



Movimentação importante na politica de Morretes. O TSE julga procedente o recurso do Amilton, e devolve a decisão de fazer do Helder ficha suja ou não para o TRE. Isto é, o TSE não decidiu nada, as coisas continuam por enquanto como estão. Com toda a certeza o consumo de ansiolíticos da classe bromazepan vai sumir das prateleiras das farmácias de Morretes. O povo atento, aguarda! 

A DECISÃO:

"...Desse modo, afastada essa questão, afigura-se necessário o retorno dos autos ao Tribunal a quo a fim de que se prossiga no exame dos demais requisitos exigidos para a caracterização da inelegibilidade.

Nesse sentido, o Tribunal já decidiu:

Inelegibilidade. Art. 1º, I, g, da Lei Complementar nº 64/90.

1. Conforme entendimento da douta maioria, se as contas do candidato, relativas ao cargo de prefeito, foram rejeitadas pela Câmara Municipal, não pode ela, em novo decreto, revogar, discricionariamente, o ato legislativo anterior e aprovar essas contas.

2. Afastado esse fundamento, acolhido pela Corte de origem para deferimento do registro, cumpre determinar o retorno dos autos, a fim de que o Tribunal Regional Eleitoral se pronuncie sobre a natureza das irregularidades averiguadas nas referidas contas.

Agravo regimental, por maioria, provido.

(AgR-REspe nº 29.540/SP, rel. Min. Fernando Gonçalves, redator para acórdão Min. Arnaldo Versiani, PSESS em 16.12.2008, grifo nosso.)

ELEIÇÕES 2008. Agravo regimental no recurso especial. Registro de candidatura. Vereador. Rejeição de contas pelo TCE. Liminar ou tutela antecipada após o registro de candidatura. Irrelevância. Precedentes. Omissão do acórdão regional. Necessidade de aferir a natureza das irregularidades, daí a determinação contida na decisão recorrida, de se devolver os autos ao TRE, a fim de que se manifeste acerca das irregularidades apontadas na decisão da Corte de Contas. Agravo a que se nega provimento.

(AgR-REspe nº 33.048/PB, rel. Min. Joaquim Barbosa, PSESS em 16.12.2008, grifo nosso.)

Por essas razões, conheço do recurso especial interposto pela Coligação Morretes no Rumo Certo, por ofensa ao art. 1º, inciso I, alínea g, da LC nº 64/90, e nos termos do art. 36, § 7º, do Regimento Interno do Tribunal Superior Eleitoral, dou-lhe parcial provimento, a fim de que, afastado o fundamento atinente à ausência de decisão do órgão competente, prossiga o Tribunal Regional Eleitoral na análise dos demais requisitos exigidos para a configuração da referida causa de inelegibilidade."

Publique-se em sessão.

Brasília, 8 de dezembro de 2012.

Ministro Henrique Neves da Silva

O JOGO DURO DA PRESIDENTE


O lado ruim da herança

Como Dilma desarmou as bombas que herdou da gestão do ex-presidente Lula
Presidente absorveu a popularidade do antecessor, mas aprendeu a desmontar armadilhas

Dilma Rousseff nunca simpatizou com a ex-assessora Rosemary Nóvoa de Noronha. Desaprovava o jeito expansivo e a influência conquistada pela antiga chefe do gabinete da Presidência em São Paulo. Dilma só a manteve no cargo a pedido do padrinho de ambas,Lula. Ao ser indiciada pela Polícia Federal na Operação Porto Seguro por suspeita de tráfico de influência e demitida do governo, a ex-assessora expôs o submundo dos interesses e do loteamento de cargos do poder. Para assegurar sustentação política, Dilma fez concessões ao PT, a partidos aliados e, principalmente, a Lula. Recebeu do ex-presidente uma gestão aprovada pela população e com importantes avanços sociais, mas também herdou Rosemary e outras armadilhas. — Ao terminar a eleição, Lula apresentou uma fatura. Indicou pessoas que tinham de ser mantidas e outras que ele recomendava manter — afirma um interlocutor petista. Rose, a quem os adversários chamavam de "segunda-dama" em virtude da proximidade com Lula, constava na relação de intocáveis. Caiu após a divulgação dos desvios de conduta. É o acordo de Dilma com o antecessor. Acata as indicações, mas quem expuser o governo está fora. O mesmo vale para cargos inferiores, onde a fiscalização ganhou mais força. No ano passado, a Controladoria-Geral da União demitiu 469 servidores federais, a maior soma de punições desde 2003. A presidente elencou como os próximos alvos da limpeza ética postos inferiores dos ministérios, além das agências reguladoras. O envolvimento dos irmãos e diretores de agências reguladoras Paulo e Rubens Vieira na quadrilha desbaratada pela PF reforçou a necessidade de mudanças. As agências, por exemplo, oferecem cargos fatiados por correntes políticas, que lidam com bilhões em recursos. Como destaca um assessor com trânsito no Planalto, representam áreas que podem trazer mais surpresas desagradáveis. A postura rígida tem ajudado Dilma. Ela consegue, aos poucos, impor seu perfil e sua equipe na máquina governamental, apesar de sempre consultar Lula antes de qualquer nomeação importante. A linha dura com os que são flagrados cometendo abusos não poupa nem integrantes do primeiro escalão. A faxina instaurada na Esplanada, em 2011, é um exemplo. Nas áreas onde precisa atender interesses políticos, a presidente se acostumou a apostar em um secretário executivo de sua confiança ou a forçar mudanças de comportamento. Uma herança que se adequou à nova gestão é Gilberto Carvalho. Chefe da Secretaria-Geral, representa Lula no governo. No início do mandato, viu seu prestígio despencar. Dilma isolou Carvalho ao descobrir que ele vazava informações para imprensa. Devagar, o ministro controlou a língua e começou a recuperar sua imagem e influência.
— Ele entendeu o jeito Dilma de governar — atesta um servidor do Planalto.

ARTEFATOS DESARMADOS

Siglas aliadas – Ministros de Lula e mantidos nos postos a pedido do ex-presidente, Alfredo Nascimento (Transportes), Orlando Silva (Esporte) e Carlos Lupi (Trabalho) representavam na Esplanada PR, PC do B e PDT. Atingidos por denúncias, foram afastados durante a faxina ministerial.
PMDB – Principal aliado do governo, o PMDB foi forçado a substituir ministros na faxina do ano passado. Wagner Rossi (Agricultura) e Pedro Novais (Turismo) caíram por denúncias de corrupção. O partido seguiu com os cargos, apenas indicando os novos ocupantes.
Haddad – Se dependesse de Dilma, Fernando Haddad não teria integrado o primeiro escalão. O PT impôs sua continuidade na Educação, com o acerto de que poderia concorrer à prefeitura de São Paulo — cargo para o qual se elegeu. Haddad deu lugar a Aloizio Mercadante.
Defesa – Outro nome que desagradava a Dilma era Nelson Jobim, na Defesa. Como teve êxito na crise aérea e na relação com os militares, permaneceu a pedido de Lula. No entanto, suas frases polêmicas sobre colegas e declarações de voto ao PSDB lhe custaram o cargo.
Petrobras – Afilhado de Lula, Sergio Gabrielli continuou no começo do governo Dilma na presidência da Petrobras. No entanto, as ressalvas quanto à gestão da petroleira forçaram a mudança. Dilma colocou no comando da estatal Maria das Graças Foster, antiga diretora da empresa.
Gabinete paulista – Criado por Lula para prestar apoio em São Paulo, o gabinete era comandado por Rosemary de Noronha, que contava com o apoio do petista. Apontada pela PF como parte de uma quadrilha que venderia pareceres técnicos para empresas privadas, foi demitida por Dilma.
Guilherme Mazui
guilherme.mazui@gruporbs.com.br

FONTE- ZERO HORA / RS

CAVAGNOLLI



Um leitor do blog fez esta pergunta e eu faço questão de responder.

Anônimo 8 de dezembro de 2012 11:22
Tempos atraz li comentarios que o melhor prefeito foi Cavagnoli, será? Porque? O que ele fez de tão estraordinario que marcou sua gestão?

A resposta ao leitor:

Morretes até 1988 vivia exclusivamente da agricultura, a renda deste segmento sozinha movimentava o comércio local, pois a fábrica de papel vinha se arrastando  numa concordata terminal, a fábrica de lápis já não funcionava e a usina tinha fechado suas portas. Morretes não tinha ofertas de emprego, a expectativa dos jovens era trabalhar nas casas de comércio que sobreviviam a esta situação econômica  muito precária. O setor de turismo girafa em torno de pequenos restaurantes, e o Madalozzo já de casa nova. O forte do turismo gastronômico da nossa região era Antonina, com o barreado da Ieda, Nenega, o Cruzeirão e outros, além de suas festas, como o carnaval, festival  de inverno, festa de agosto e a festa de novembro. O Porto de Cima e o São João eram apenas locais de passagem para quem descia pela Estrada da Graciosa. O trem ia até Paranaguá  e passava em Morretes as 10:30 da manhã, cedo para almoçar na cidade, então  o pouco de gente que ficava aqui, saiam dos vagões direto para os ônibus e iam almoçar em Antonina ou seguiam viagem para o sul, parando para comer no posto Ataliba, perto de Itajaí. Ao assumir a Prefeitura, em primeiro de janeiro de 1989, Cavagnolli tomou posse embaixo d’água, numa das maiores enchentes que já aconteceram por aqui. As expectativas econômicas eram terríveis, pois as águas acabaram com o setor agrícola. E neste momento de crise profunda, ao mesmo tempo em que, buscava recursos para recompor a cidade, me chamou e pediu para fazer um projeto que fosse ousado com custo reduzido, que contemplasse o turismo, mas ele queria um turismo forte, com fluxo em grande escala, para que a economia local voltasse a crescer e os jovens voltassem a ter expectativas de trabalho. E a ordem era não gastar dinheiro público. A tese era fazer tudo ao custo “muito perto do zero”, como dizia ele. Fizemos o projeto, ele aprovou e fomos executar. Com apoio de empresários, Rede Globo local e nacional, SBT, jornais, rádios, empresas aéreas, redes hoteleiras, ABAV nacional, Embratur, COCAL e a PARANATUR fomos a luta, e fizemos do barreado um ícone gastronômico do sul do País, requisitado para abrilhantar festas  em todos os estados brasileiros e países da América do Sul. para quem não sabe, Morretes encerrou o Congresso da ABAV de 1992, no Rio de Janeiro, servindo mais de 4.000 pessoas no Scala/RJ, a custo zero para o município. Mudamos o horário da chegada do trem, inviabilizando a ida a outros locais para comer por causa da hora.  O passeio de boia,  uma brincadeira de poucos morreteanos que iam até o seu Henrique Fedalto, borracheiro da XV, alugar as boias, foi transformado em Bóia Cross, através de ações de marketing, num sucesso, transformando o Porto de Cima, criando o ambiente necessário para o crescimento sustentado da região. No seu governo fizemos eventos na Graciosa de porte internacional, como o Mundial de Rally de Velocidade, corridas a pé, descidas de bike com milhares de participantes e partir daí o São João da Graciosa passou também a ter uma vida turística própria. Ações de marketing audaciosas, como o evento Morretes faz o Verão, com shows de artistas nacionais na Praia de Matinhos, aproveitando o grade fluxo de turistas da época, sem gastar um centavo de dinheiro público. Paralelo a isso sua gestão transformou a cidade, criou a Rua das Flores, hoje usada como estacionamento pelos empresários gananciosos, embelezou as praças, recuperou a Casa Rocha Pombo, fomentou o artesanato, enfim o Cavagnolli fez uma nova Morretes,  deu uma  identidade turística para a cidade, descobriu a vocação econômica desta Morretes que vemos hoje, com investidores de turismo procurando a cidade para seus investimentos e gerando emprego e renda para todos. E eu, tenho um orgulho enorme de ter participado destas mudanças. Estes  com certeza são os  grandes motivos  para o Cavagnolli ser considerado o melhor prefeito que Morretes já teve nos seus tempos modernos.    Quem estava aqui em 1988 vai entender do que estou falando!  O resto, mal ou bem administrou o seu legado!

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Vai começar....


Quem será o Presidente da Câmara? Quem vai fiscalizar os atos do Prefeito? Sempre lembrando que esta é a obrigação maior do vereador, fiscalizar os atos do executivo, saber onde e como ele gasta o dinheiro público, cuidar dos interesses do povo. O Vereador não é representante do Prefeito, é representante do povo de Morretes. vamos ver como esta história vai terminar, ou melhor, vai começar! 

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

Noticia Triste....


Faleceu nesta madrugada, as 02:00 da manhã o Sr. João Lourenço Ayrosa, conhecido como seu Joanito  do Malucelli. Durante muitos anos administrou a loja do Malucelli em Morretes. Deixa esposa, D. Dalila, e filhos, Marcos (falecido), Roberto(falecido), Sueli, Yara, Cristina e Maria, netos e bisnetos.  Com seu jeitão sério e muito trabalhador fez parte da história econômica da nossa cidade. Seu Joanito morava em Curitiba. Seu corpo está sendo velado no Cemitério Municipal, de onde partira para  Morretes. O enterro será por volta das 14:30.  

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Pronto..Acabou....A justiça tarda mas não falha!


Pois é, vida que segue.......


Agravo de Instrumento n° 923.006-8Origem: Vara Única da Comarca de Morretes
Agravante: Câmara Municipal de Morretes 
Agravado: Orley Antunes de Oliveira
Relator: Des. Silvio Dias

ADMINISTRATIVO -AGRAVO DE INSTRUMENTO -ALEGAÇÃO NO 
SENTIDO DO DESCUMPRIMENTO DE DECISÃO LIMINAR E DE 
ATENTADO A DIGNIDADE DA JUSTIÇA -PEDIDO DE COMINAÇÃO DE 
MULTA. PARTE AUTORA: CÂMARA MUNICIPAL -ILEGITIMIDADE -A 
CÂMARA MUNICIPAL NÃO TEM PERSONALIDADE JURÍDICA PRÓPRIA 
-CAPACIDADE APENAS JUDICIÁRIA -HABILITAÇÃO PARA 
DEFENDER SEUS ATOS DE OFÍCIO -OFENSA A VEREADORES FATO 
QUE NÃO TEM LIGAÇÃO COM A ATIVIDADE TÍPICA 
LEGISLATIVA -EXTINÇÃO DO AGRAVO E DA AÇÃO PRINCIPAL DE 
OFÍCIO -AGRAVO PREJUDICADO. 

Trata-se de Agravo de Instrumento interposto contra 
decisão proferida pelo ilustre juiz de direito de primeiro grau Fernando 
Andriolli Pereira que indeferiu o pedido de cominação de multa ao 
agravado e de reconhecimento de ato atentatório à dignidade da 
justiça, vez que não vislumbrou descumprimento da liminar por parte 
deste. 

Inconformada, sustenta a agravante que o magistrado 
desconsiderou algumas cópias de postagens feitas pelo agravado as 
quais são ofensivas à Câmara dos Vereadores; que o agravado em sua 
contestação confessou a agressão às pessoas da Câmara; que a 
agravante vem sendo desmoralizada pelo agravado; que as 
insinuações feitas pelo agravado ferem a honra da Casa; que é 
evidente que o agravado labora em ato atentatório à dignidade da 
justiça. 

Pugna pelo provimento do recurso a fim de que seja 
reformada a decisão agravada deferindo-se a aplicação de multa em 
face do agravado ante o descumprimento da medida liminar já 


Documento assinado digitalmente, conforme MP n.° 2.200-2/2001, Lei n.° 11.419/2006 e Resolução n.° 09/2008, do TJPR/OE
O documento pode ser acessado no endereço eletrônico http://www.tjpr.jus.br
Página 1 de 5



Des. Silvio Dias -mc 2ª Câmara Cível -AI 923.006-8

A Câmara, como ente público abstrato não pode ser 
honesta ou desonesta. Seus membros sim. Mas a defesa da honra 
eventualmente atingida deve competir a cada qual dos ofendidos e não ao 
órgão municipal. 

Diante do acima exposto é de se julgar prejudicado o 
presente recurso e de ofício declarar extinta a ação principal de danos 
morais em que o agravado figura como réu por faltar legitimidade ativa à 
Câmara Municipal de Morretes, uma das condições da ação, com fulcro no 
artigo 267, inciso VI do Código de Processo Civil. 

DISPOSITIVO

Acordam os integrantes da Segunda Câmara Cível do
Tribunal de Justiça do Paraná, por maioria de votos, em julgar prejudicado 
o presente recurso e de ofício declarar extinta a ação principal de danos 
morais em que o agravado figura como réu por faltar legitimidade ativa à 
Câmara Municipal de Morretes, de acordo com o voto do relator. Vencido o
Desembargador Cunha Ribas que diverge em relação a preliminar,
declarando voto em separado.
Presidiu o julgamento o Desembargador Eugenio Achille
Grandinetti e dele participaram os Desembargadores Cunha Ribas
(vencido) e Lauro Laertes de Oliveira.

Curitiba, 02 de outubro de 2012.

Des. Silvio Vericundo Fernandes Dias
Relator

Nada como o tempo para promover a justiça. Como sempre disse aqui, confio cegamente na justiça e em seus provedores. Em momento algum, apesar de postagens em blogs anônimos até no jornal da Roseli que dava como definida a sentença, me senti ameaçado. O poder não é de quem exerce, é de quem tem razão! 

AVISO


AVISO
AVISO

Estão abertas as inscrições para vagas de trabalho
 no SUPER MERCADO CONDOR
Nova seleção dia 06/12/2012, os interessados comparecer na agencia do trabalhador para fazer o cadastro das 08:00 as 14:00. Os interessados trazer carteira de trabalho, RG e CPF.

Daniele Meduna



Obs;( no dia 03/12/2012 a agencia do trabalhador estava fechada)

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

TODA A CENSURA É BURRA!



Proibição judicial impede imprensa de citar prefeita eleita em denúncias


O juiz James Hamilton de Oliveira Macedo proibiu que veículos de comunicação do Paraná mencionem em seus conteúdos o nome de Regina Dubay, atual vice-prefeita  e candidata eleita à prefeitura de Campo Mourão, a 460 km de Curitiba. Ela está sendo investigada após denúncia de uma suposta distribuição em larga escala de passagens rodoviárias da Expresso Nordeste com destino à capital paranaense durante o período eleitoral. As viagens de ida e volta teriam o objetivo de beneficiar a candidata eleita. Desde o final de semana, o portal Terra, os jornais a Gazeta do Povo e Tribuna do Interior, a TV Carajás, Rádio T, Rádio Colméia, Rádio Humaitá e os sites Tásabendo.com e Coluna do Ely foram proibidos de fazer a identificação em suas matérias. 
A decisão de primeira instância atende aos pedidos feitos pela candidata eleita e pela empresa de ônibus. Cabe recurso no período de 15 dias. Orgãos de imprensa do município foram notificados no final de semana e o descumprimento da ordem judicial acarretará multa de R$ 30 mil.
Censura

Ao Comunique-se, o Editor Executivo de Vida Pública da Gazeta do Povo, Rhodrigo Deda, disse que não há razão para o Poder Judiciário impedir que a imprensa mencione quem é alvo da investigação e que a situação viola a liberdade de expressão. “Isso é um fato noticioso, verdadeiro e de interesse público. Não houve abuso do direito de liberdade de expressão ao veicular o fato. Tampouco houve exposição desproporcional do investigado. Em casos como esse, em que há interesse público, o direito de imagem deve ceder espaço para outros direitos igualmente importantes protegido pela Constituição – os direitos de liberdade de expressão e imprensa”, argumentou. 
O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado Paraná (Sindjor-PR) classificou a decisão judicial como "censura ao trabalho de jornalistas e órgãos de comunicação que têm o dever, e não apenas o direito, de informar a população sobre as apurações que sejam de interesse público, como está explicito neste caso".

Investigação e denúncia
Segundo denúncia publicada pelo Terra na última sexta-feira, 23,  as passagens fariam parte de dois lotes adquiridos pelo município em licitações homologadas em junho deste ano, no valor total de R$ 665 mil, para atendimento de pacientes ou de pessoas carentes nas áreas de Saúde e Assistência Social.
De acordo com ofício encaminhado pelo candidato Tauillo Tezelli (PPS) à Justiça Eleitoral, no período de julho até final de setembro foram empenhados quase R$ 482 mil para pagamento das passagens licitadas, 72,5% do total estimado para o período de 12 meses. O documento informa que as passagens foram entregues para familiares de eleitores residentes em Curitiba, para que fossem ao município votar na vice-prefeita da cidade e candidata eleita.
O juiz da 31ª Zona Eleitoral, Edson Jacobucci Rueda Junior, intimou a prefeitura e a empresa de ônibus para apresentar explicações sobre os gastos no período de campanha.
carlosohara_especialterra
A Justiça Eleitoral de Campo Mourão está analisando a suposta distribuição 
de passagens durante o período eleitoral (Imagem: Carlos Ohara)



fonte-(comunique-se portal)

Felipe Scolari de novo....


Felipão é o novo técnico da Seleção, e Andrés deixa a CBF e tem seu 


cargo extinto pelo Presidente Marin.

Comandante do penta será anunciado oficialmente na quinta-feira. 

Luiz Felipe Scolari participa de evento em Natal (Foto: Matheus Magalhães/GLOBOESPORTE.COM)Scolari deixou o comando do Palmeiras em
setembro, antes do rebaixamento do clube
             A CBF já acertou com um novo técnico para a seleção brasileira: Luiz Felipe Scolari é o substituto de Mano Menezes. A entidade, porém, não conta mais com um diretor de Seleções, já que Andrés Sanches deixou nesta quarta o cargo, que acabou extinto pelo presidente José Maria Marin. O anúncio oficial de Felipão, campeão mundial em 2002 com o Brasil, será feito na quinta, às 10h30m (de Brasília), no Rio de Janeiro.
Andrés pediu demissão do cargo de diretor de Seleções através de uma carta. Em São Paulo, Marin disse que a posição está extinta para a volta da função de coordenador, exercida nas Copas do Mundo de 1994 e 2006 por Zagallo, de 1998 por Zico e de 2002 por Antonio Lopes. Tetra nos Estados Unidos, Carlos Alberto Parreira é o mais cotado para assumir a tarefa de trabalhar na nova função.
Em seguida, Marin afirmou que o nome do novo técnico será revelado oficialmente na quinta, a tempo de participar do sorteio da Copa das Confederações, sábado. Felipão, que deixou o Palmeiras em setembro, conversou com Marin no último fim de semana e está com a família em Passo Fundo, no Rio Grande do Sul, mas vai desembarcar em São Paulo ainda nesta quarta para finalizar os últimos detalhes do contrato com a CBF
.
Fonte- Alexandre Lozetti e Leandro Canônicos  /portal Globo

Informação dificíl de dar....


Esta madrugada, por volta das 5:00 da manhã desta quarta feira, 28 de Novembro, faleceu o engenheiro e comerciante Gilberto Malucelli. Uma perda lamentável pelo caráter conciliatório do Gilberto, seu jeitão sossegado de falar e firmeza e determinação na hora de agir. A família perdeu seu herói,  Morretes perdeu um grande apaixonado pela suas coisas. Deixou esposa, Fátima e dois filhos, Louise e Rolando Malucelli. 

terça-feira, 27 de novembro de 2012

DESINTOXICANDO...



SAUDADES  NÃO  TEM  IDADE


WANDERLEY CARDOSO.

Carreira e História

Aos 13 anos de idade, Wanderley Cardoso se dedicou aos estudos. Ele nasceu em São Paulo, no bairro do Belenzinho, mas acabou morando em sua adolescência entre os bairros da Lapa e Pirituba. Depois disso ele decidiu a se dedicar ao “showbizz” onde teve em 1965 um de seus primeiros sucessos com o titulo “Preste Atenção”, virando um dos ídolos da Jovem Guarda como um raio.
Em 1967, ele gravou seu novo sucesso, “O Bom Rapaz” vendeu mais de cinco milhões de copias, e alavancou ainda mais a carreira do cantor.
Trabalhou ao lado de Renato Aragão, com o programa “Os Trapalhões”. Participou também de novelas e do cinema, e no mesmo ano acabou assinando um contrato com o “dono do baú”, Silvio Santos no SBT.
Durante toda sua carreira  Wanderley Cardoso chegou a gravar mais de 800 musicas e vendeu mais de 15 milhões de copias em seus mais de 84 discos. Atualmente ele recebeu um premio de revelação masculina em 2003, no Troféu Talento, já que entrou para o cenario gospel depois de se tornar evangélico, residindo no Rio de Janeiro. Abaixo confira os sucessos do cantor, e suas fotos.

Sucessos de Wanderley


domingo, 25 de novembro de 2012

O fim de tudo....


Na madrugada de ontem faleceu Willian Paixão, o Carioca. Um  amigo, polêmico, inteligente, contador de histórias, e melhor do que tudo, um pai exemplar, pois cuidava daqueles três meninos dele  com muito cuidado e muita responsabilidade. Desde de novembro do ano passado, vinha lutando bravamente pela sua saúde, e ontem a morte  venceu esta luta. carioca morreu no Rio de Janeiro vitima de insuficiência respiratória. Teve sua saúde fragilizada após um AVC. Como amigo, Carioca deixa saudades. como pai  com certeza a ideia difícil da insubstituibilidade. 

ROTARY CLUB


PARA QUEM NÃO CONHECE A HISTÓRIA DO ROTARY CLUB DE MORRETES
 
Rotary Club de Morretes
ROTARY INTERNACIONAL

Paul Harris, depois de peregrinar por vários lugares, se fixa em Chicago como advogado. Aluga um pequeno conjunto de escritórios, equipa-os, escolhe um deles e subaluga os demais. Conhece vários empresários e pensa que seria interessante reuni-los em um ambiente informal de amizade e companheirismo, com a vantagem de cada um representar um ramo da atividade. Assim em 23 de fevereiro de 1905, reuniu cinco companheiros que se encontravam regularmente com a finalidade de troca de informações e companheirismo e procura de novos nomes para o clube.
Paul sugeriu que se desse uma denominação para o novo clube. Chegou-se a conclusão que deveria se dar o nome de ROTARY, já quem as reuniões se dava em esquema rotativo. Estava criada a célula de Rotary Club. Acreditamos que Paul jamais pensou que aquela célula sofresse um processo de cissiparidade e se transformasse nesse organismo gigante que é hoje o ROTARY INTERNACIONAL.
Inicialmente a finalidade era para desenvolver o companheirismo, mas a ideia evoluiu e o Rotary passou a ser um clube de serviço social em prol da comunidade, pois achavam os fundadores que não poderiam ser egoístas e pensarem apenas em si mesmo, surgindo daí o lema maior de Rotary: “DAR DE SI ANTES DE PENSAR EM SÍ”.
Em 1923 chegou ao Brasil na cidade do Rio de Janeiro e expandiu-se pelos estados e municípios. Em novembro de 1972, os senhores Ivan Campos Bortoleto, Rogério Bacellar,Luiz Dílson Pinto, Gaelzer Pereira Gomes, Foed Saaliba Smaka, José Daher, Aramiys Zanardi, Eric Jouber Hunzicker, João Pinto Velosa, Alaor Silvério, Josemar B. Silvério, João Batista Freitas, Honilson Madaloso, Sidney Antunes de Oliveira, Ba´silio C. Y. Bufara, José J. Paraná Fagundes, Moacyr França, Vitório Robassa, Ari Zanusso, Antenor V. Zambon, Narelvi Carlos Malucelli, José Ramos May, Lauro Consentino e João Jazar, se reuniram e fundaram nesta cidade de Morretes o ROTARY CLUB DE MORRETES que assim como os demais tem como Objetivo:
“Estimular e fomentar o Ideal de Servir como base de todo empreendimento digno, promovendo e apoiando:

Primeiro. O desenvolvimento do companheirismo como elemento capaz de proporcionar oportunidade de servir;

Segundo. O reconhecimento do mérito de toda a ocupação útil e a difusão das normas de ética profissional;

Terceiro. A melhoria da comunidade pela conduta exemplar de cada um na sua vida pública e privada;. 

Quarto. A aproximação dos profissionais de todo o mundo, visando a consolidação das boas relações, da cooperação e da paz entre as nações.

Nestes 38 anos de existência nosso Rotary tem desenvolvido ações eficazes em prol de nosso Município. Acreditamos que já teria valido a pena a fundação de nosso Rotary com a participação nas Campanhas de Vacinação contra a Poliomielite, campanhas estas que foi mundialmente iniciada pelo Rotary Internacional e que praticamente erradicou a doença a nível mundial. A seguir mais algumas realizações Sociais realizadas pelo Rotary Club de Morretes:
Construção de três salas de aula no complexo do Colégio Estadual Rocha Pombo; campanha para aquisição de uma ambulância para a Secretaria de Saúde do Município, envolvendo toda a comunidade; ”Projeto Sabiá”, em parceria com os demais Rotaris do Distrito 4730 e Prefeitura Municipal de Morretes, quando foram distribuídas mudas de juçara e espalhadas sementes na mata atlântica(realizada por três vezes); bolsa escola pra alunos carentes da rede de ensino da Prefeitura Municipal; enxovais para o Hospital e maternidade de Morretes, trabalho efetivado pela Associação de Senhoras de Rotarianos; Várias campanhas natalinas e distribuição anual de cobertores para população carente; aquisição de uma máquina de raios X para o Hospital, etc., etc., etc.. 

Texto - MARCOS FLÁVIO MALUCELLI